DC lança, High Level, novo título do selo Vertigo

112

A DC/Vertigo está finalmente pronta para lançar o High Level, uma aventura épica que faz pelo cyberpunk o que The Sandman fez pela fantasia, pelo menos, esse é o plano. Mas, a julgar pelo que foi mostrado até agora, a HQ parece está a altura do desafio.

Centenas de anos depois que o mundo acabou e a sociedade humana foi reconstruída, as pessoas continuam lutando por recursos básicos para sobreviver. Mas há um lugar que está a salvo dessa luta, High Level. E enquanto a maioria sonha com um dia trabalhando duro o suficiente para ascender a esta vida de luxo e conforto, Treze não é um deles. Contrabandista do comércio, Treze está bem onde está – até agora. Com sua cabeça a prêmio, a protagonista é forçada a atravessar um novo continente repleto de perigo e mistério para entregar uma criança messias na cidade mítica no topo do mundo de onde ninguém jamais retornou.

Pode haver um ou dois aspectos de High Level que pareçam familiares, mas não se engane: ele usa suas influências da fantasia clássica, da aventura heroica, da sobrevivência pós-apocalíptica e da filosofia cyberpunk, tudo em letras brilhantes de néon.

Rob Sheridan, veterano diretor de arte que trabalha a quinze anos com a banda Nine Inch Nails, foi recrutado para contar essa história. Em entrevista para o site Screen Rant, Sheridan falou um pouco do seu trabalho em High Level e como sua equipe de arte está desenvolvendo uma visão de futuro única:

“Estamos chamando de uma história pós-pós-apocalíptica. O slogan que meu editor elaborou foi “Esta não é a história do que aconteceu, é a história do que acontece a seguir” … Além de uma grande mudança na sociedade, uma mudança apocalíptica, o que acontece se a maior parte da história for apagada pelo caminho? É fácil imaginar agora, à medida que avançamos ano após ano, tanto de nossa história, nossa mídia, nossas comunicações estão sendo colocadas em computadores, servidores e na nuvem. Se toda essa infra-estrutura for apagada pela dramática mudança climática, pelas migrações em massa, pela guerra, seja o que for, e então você levar várias gerações de pessoas simplesmente sobrevivendo, você perde muita história nesse processo. E isso se torna uma história oral.

Então, eu sempre fui fascinado pela IDEIA do que aconteceria quando a poeira baixasse um pouco e as pessoas começassem a criar novas civilizações. Mas eles não têm nenhum contexto histórico que nós temos.”

Os artistas Barnaby Bagenda e Romulo Fajardo Jr. dão um retrato inesquecível do mundo “que vem a seguir”. É aqui que a história atinge seus acordes tanto de familiaridade quanto de reinvenção, muitas vezes não vistos no gênero pós-apocalíptico de filmes, programas de TV, videogames ou histórias em quadrinhos.
Pré-visualização Comic Vertigo de Alto Nível

“Eu gostaria de lembrar onde eu ouvi isso, foi como uma faixa de comentário de Star Trek. Algum futurista estava falando sobre como nós sempre temos essa IDEIA de que quando a sociedade se reconstrói após eventos traumáticos, como eventos realmente traumáticos, ela pareceria mais ou menos a mesma coisa. E a realidade, ele estava dizendo, é que na verdade não seria nada parecido com o que temos agora. Porque quando você remove todas essas instituições, e noções preconcebidas, e barreiras, e regras … e dá à humanidade uma chance de se reconstruir puramente baseada em suas necessidades e instintos, ela pode parecer totalmente diferente do que a vida parece agora. Essa é a inspiração para onde a história começa em High Level.”

 

Não há garantia de que a história especulativa, retro-futurista e a dura ficção científica de High Level alcance o sucesso pretendido pela Vertigo, afinal, o gênero de terras empoeiradas, violentas, repletas de saqueadores e pós-apocalípticas, bastante popular e existe inúmeras opções com está temática. Contudo o autor está confiante no seu trabalho e espera uma boa recepção e o apelo do público por novas histórias de High Level.

Espero que [leitores] saiam disso com muitas perguntas e muitas maravilhas. Porque temos muito mais de uma história para contar e isso foi muito sobre o plantio de sementes nesta primeira edição. Eu gostaria que eles começassem a pensar sobre o que ele tem a dizer sobre onde estamos agora. Porque vai haver alguns grandes temas sobre isso percorrendo toda a história em quadrinhos.

Uma das minhas coisas favoritas de todos os tempos é a Twilight Zone. Não há melhor exemplo de ficção científica falando sobre coisas que não era permitido. Você assiste isso agora, e é alucinante que foi permitido ao ar na rede de televisão na época … Eles fizeram isso enganando os censores, contando histórias de fantasia que estavam realmente contando histórias sobre agora. Acho que é o melhor que a ficção científica faz, e é isso que esperamos fazer com o High Level.

Cartaz cómico de alto nível da Vertigem da CC

High Level # 1 estará disponível em 20 de fevereiro de 2019 nos Estados Unidos, ainda não há data de lançamento confirmada no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here